Picos(PI), 07 de Abril de 2020
Picos(PI), 07 de Abril de 2020

Política
:::
Equatorial é alvo de críticas dos vereadores na primeira sessão de 2020 da Câmara Municipal de Picos
Postado em 14/02/2020 por Jailson Dias
Vereadores proporam título de 'persona non grata" para a Equatorial
Tamanho da fonte A A
Vereadores criticam Equatorial
Foto: Jailson Dias

A privatização parece não ter sido a solução para a melhoria da distribuição de energia elétrica no Piauí. Na primeira sessão ordinária de 2020, realizada pela Câmara Municipal de Picos na tarde da quinta-feira (13), os vereadores concentraram as críticas na Equatorial Energia, citando inúmeros relatos de cortes, descaso e má administração.

A vereadora Valdívia Santos (PR) apresentou um projeto de lei, encaminhado às comissões permanentes da Câmara Municipal para receber parecer técnico, proibindo a Equatorial de cortar o fornecimento de energia elétrica para as residências durante finais de semana e feriados. O mesmo vale para a Agespisa.

“O corte de energia e de água só será permitido com a presença do consumidor ou responsável lesado, bem como a sua respectiva autorização; todo consumidor tem que ter o prazo de 24 horas no momento em que ele for notificado, então na próxima semana o projeto será colocado em votação e peço a colaboração de todos os parlamentares”, frisou.

Vereadores Valdívia Santos

O vereador Francisco das Chagas de Sousa, o Chaguinha (PTB), afirmou que são muitos os relatos de reclamações contra a Equatorial, declarando que a qualidade do serviço despencou desde a privatização. Ele lamentou também o declínio no tratamento aos consumidores picoenses. “Hoje a população é humilhada, é execrada, e não temos um serviço prestado”, protestou o parlamentar.

Chaguinha citou casos de consumidores que tentam fazer a ligação da energia elétrica em residências recém construídas, mas enfrentam a demora de meses, algo que não se verificava antes. O vereador disse ainda que se a qualidade dos serviços não melhorar, a Câmara Municipal deve aprovar a concepção do desenrosco projeto de “persona non grata” para a Equatorial Energia. “Não podemos pagar um serviço que não temos e ainda ser humilhados”, frisou.

As críticas a Equatorial Energia não acontecem apenas na Câmara Municipal de Picos. Diversos deputados estaduais já se manifestaram contra a empresa na Assembleia Legislativa do Piauí.

Privatização

A Eletrobrás/Cepisa foi privatizada pelo então presidente Michel Temer (MDB) no dia 27 de julho de 2017, em leilão cuja única interessada pela aquisição foi a Equatorial Energia.

Comentários

Comentar
Nenhum comentario realizado para esta materia
 
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Paula Monise
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Paula Monise
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652