Picos(PI), 25 de Maio de 2019

Polícia
:::
Em depoimento, garçom diz ter assassinado ex-companheira para se defender
Postado em 12/03/2019 por Redação
Antônio José da Silva está preso na Central de Flagrantes e deverá ser transferido para a penitenciária José de Deus Barros.
Tamanho da fonte A A
Vítima e acusado
Foto: Reprodução

No início da noite desta segunda-feira (11), oito dias após ser procurado pela Polícia, o garçom Antônio José da Silva, acusado de assassinar a pauladas a ex-companheira, se apresentou na Delegacia de Polícia Civil, em Picos. O crime de Feminicídio ocorreu no dia 04 de março, na Rua Monsenhor Hipólito, e teve como vítima Francisca Gorete.

Antônio José da Silva que estava acompanhado de um advogado prestou depoimento à delegada que acompanha o caso, dando detalhes da dinâmica do crime. Em seguida, foi decretada de forma temporária sua prisão e o acusado deverá ser transferido para a penitenciária José de Deus Barros.

A delegada de Polícia, Laura Carneiro, explicou que o interrogatório do acusado durou quase três horas e que em depoimento Antônio teria afirmado  assassinar a vítima para se defender.

“Foi um interrogatório bem longo, passamos quase três horas conversando e foi dado muitos detalhes. Antônio disse no depoimento que a vítima mencionava a todo tempo que daquela noite ele não passaria, que iria matá-lo. Ele confessou o crime, mas a todo momento afirmou que não tinha a intenção de matá-la, que havia pego o pedaço de madeira e desferido um golpe uma única vez para se defender”, informou a delegada.

Laura Carneiro pontuou que ao longo do depoimento, o áudio compartilhado no WhatsApp em que Antônio dá detalhes do crime foi reproduzido várias vezes já que a versão apresentada pelo mesmo possuía pontos contrários.

Como tudo teria acontecido... (versão do acusado)

Em depoimento, Antônio José relatou que a ex-companheira teria ido para o seu local de trabalho, ingerido bebida alcoólica. No encerramento do expediente, o mesmo havia saído da pizzaria e percebido que o pneu da motocicleta estava furado, momento que foi empurrando o veículo até o posto de combustível e a vítima permaneceu o seguindo durante todo esse trajeto.

Diante da aproximação da vítima, na Rua Monsenhor Hipólito, enquanto o acusado supostamente tentava urinar e na percepção de que Francisca Gorete possuía um objeto em suas mãos, Antônio José teria pego o pedaço de madeira e desferido um golpe na ex-caompanheira.

 

 

 

Comentários

Nenhum comentario realizado para esta materia
 
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Marta Soares
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652