Picos(PI), 18 de Fevereiro de 2019

Municípios
:::
Campanha Nacional de Prevenção da Gravidez na Adolescência é realizada em Simões
Postado em 09/02/2019 por Edson Costa
Equipes do NASF e da ESF coordenaram as atividades.
Tamanho da fonte A A
Orientações de prenvenção à gravidez foram repassadas
Foto: Cleison Silva

Na manhã desta quinta-feira, 7 de fevereiro, a equipe de Estratégia Saúde da Família – ESF, Clementino Coelho/UBS Raimunda Tereza, em parceria com o NASF, realizou atividades relacionadas à  Semana Nacional de Prevenção da Gravidez na Adolescência que foi instituída pela lei N° 13.798 de 3 de janeiro de 2019, e determina a realização de ações na primeira semana do mês de Fevereiro.

Tendo como objetivo desenvolver ações voltadas para a promoção da saúde e proteção de adolescentes tendo como consequência a redução da gravidez não intencional na adolescência, a equipe de profissionais da Atenção Primária realizou uma série de atividades ao longo de toda a manhã.

O evento teve início com avaliações antropométricas, realizadas pela nutricionista do NASF, Carla Lorena,  logo em seguida a enfermeira Renata Sulamita, o médico Wilson Brito,  juntamente com os demais integrantes da equipe, realizaram uma roda de conversa direcionada por perguntas abordando diversos assuntos relacionados com a sexualidade, gravidez, métodos contraceptivos, ISTs, prevenção de gravidez e etc. Os adolescentes presentes participaram ativamente,  contando sobre casos que vivenciam na família, suas realidades, suas dúvidas e etc.

Roda de conversa foi realizada

Houve ainda a exposição de métodos contraceptivos, réplicas de órgãos genitais: masculino e feminino, cadernetas do adolescente, e panfletos informativos, com o intuito de proporcionar um acesso ainda maior às informações relacionadas ao tema.

Ao final das atividades, a jovem de 17 anos, Maria Renata, que teve uma filha aos 15 anos, relatou as dificuldades de enfrentar uma gravidez na adolescência: “Eu namorava escondido com o pai de minha filha e por medo nunca conversei sobre o assunto com meus pais e realmente faltou informação, tanto sobre as formas de se prevenir como dos riscos existentes. Mas consegui apoio da minha família e dos profissionais da unidade básica e parabenizo a todos os envolvidos nesse projeto que realmente ajuda, e peço aos jovens que não tenham vergonha, conversem com a família e profissionais” pontuou.

A enfermeira Renata Sulamita destacou a importância de buscar informações com profissionais e os cuidados que os jovens devem  ter. “Uma gestação não planejada na adolescência pode trazer diversas dificuldades, riscos para a saúde, e é uma das principais causas de evasão escolar. Além disso precisamos ainda lembrar dos riscos de se contrair Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST). A melhor forma de se prevenir é o acesso à informação. Sensibilizar as famílias quanto à necessidade de diálogo é fundamental".

Renata Sulamita

Renata Sulamita acrescentou ainda que os jovens podem e devem procurar as unidades de saúde e seus profissionais para tirar suas dúvidas.

Fonte: cidadesnanet

Comentários

Nenhum comentario realizado para esta materia
 
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Marta Soares
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652