Picos(PI), 20 de Junho de 2019

Política
:::
Oposição anuncia ação pedindo a impugnação da chapa do governador Wellington Dias
Postado em 27/12/2018 por Jailson Dias
A ação de impugnação será assinada por Wilson Martins e os ex-deputados Luciano Nunes (PSDB), Robert Rios (DEM) e Dr. Pessoa
Tamanho da fonte A A
Ex-governador ingressará com ação
Foto: Ascom

O presidente do PSB no Piauí,  ex-governador Wilson Martins (PSB), anunciou que a oposição irá ingressar com ação pedindo a impugnação da chapa majoritária encabeçada pelo governador Wellington Dias (PT). A chapa é composta ainda pelos senadores eleitos Marcelo Castro (MDB) e Ciro Nogueira (Progressistas).

Segundo Wilson Martins, a oposição tem provas “robustas” de que houve compra de votos e o uso da máquina administrativa na campanha de reeleição do governador Wellington Dias. As declarações foram dadas durante café da manhã oferecido pelo presidente do PSC no Piauí, Valter Alencar, aos líderes da oposição no Piauí.

A ação de impugnação será assinada por Wilson Martins e os ex-deputados Luciano Nunes (PSDB), Robert Rios (DEM) e Dr. Pessoa. Na eleição de outubro, Wilson Martins foi candidato ao senador e foi derrota. Os dois senadores eleitos, pelo Piauí, são da base governista.

"Temos provas de que eles tomaram a eleição com o poder econômico. Dinheiro foi apreendido. Houve uso do aparelhamento do Ministério da Saúde. O Piauí recebeu 180 milhões em uma rubrica. Municípios ligados ao PT  conseguiram receber milhões em pouco tempo. Nem estados maiores conseguiram isso.É um contexto de um monte de desmantelo.  Com base nessas provas e em outras provamos que houve compra de votos. Temos a esperança que a chapa majoritária  será cassada, ou muito desgastada", disse.

Wilson Martins afirma que com a ida do juiz Sérgio Moro para o Ministério da Justiça, as denúncias de corrupção serão mais investigadas. “Com o Moro no ministério será um outro contexto. Temos a esperança que tudo será apurado”, afirmou.

Luciano Nunes afirma que as provas reunidas pela oposição comprovariam que abuso de poder.  "Temos elementos que surgiram durante a campanha e encaminhamos para os advogados e para o Ministério Público Eleitoral. Os advogados estão organizando e vamos ingressar com esse pedido de cassação da chapa. São provas que mostram o abuso do poder econômico e político. São várias provas. É um conjunto. Nosso papel é encaminhar ao Ministério Público. Ficou evidente isso. Não podemos ficar omisso diante dos acontecimentos. Nos cabe encaminhar para o Ministério Público e nossa assessoria jurídica e nosso advogados para eles tomarem as medidas necessárias e cabíveis”, destacou.

Convite

No evento, o presidente do PSC no Piauí, Valter Alencar, anunciou que convidou Wilson Martins e Dr. Pessoa para se filiarem ao partido.

“Discutimos o projeto para o Piauí. Queremos desenvolver o projeto que iniciamos a nível estadual. Queremos tornar o partido conhecido. Queremos ampliar o número de diretórios para chegarmos aos 224 municípios. Teremos candidaturas em quase todos os municípios. Trabalhamos pela vinda de nomes como Wilson Martins e Dr. Pessoa”, disse.

Valter Alencar também não descarta a possibilidade de ser candiato a Prefeitura de Teresina em 2020. "Não fugimos de desafios. Se for da vontade do nosso partido e do grupo que nos apoiam, aceitaremos o desafio sem problema", destacou.

Lídia Brito
lidiabrito@cidadeverde.com

Comentários

Nenhum comentario realizado para esta materia
 
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Marta Soares
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652