Picos(PI), 17 de Novembro de 2018

Política
NECESSIDADE
Vereador cobra UTI Neonatal no Hospital Regional de Picos
Postado em 06/11/2018 por Jailson Dias
Contando com a ajuda da assistência social do Hospital Regional, Afonsinho informou que a transferência para a outra cidade piauiense se deu através do SAMU Aéreo
Tamanho da fonte A A
Vereador Afonsinho pede UTI Neonatal para Picos
Foto: Jailson Dias

O vereador Afonso Guimarães, o Afonsinho (Progressista), está cobrando do Governo do Estado do Piauí e dos deputados da região uma UTI Neonatal para o Hospital Regional Justino Luz de Picos (HRJL). Ele constatou essa necessidade urgente após testemunhar o drama de uma senhora que após um parto extremamente complicado, teve de ser deslocada para Floriano, uma vez que o seu filho sofreu traumas ao nascer, como fraturas e ingestão de líquido amniótico, além de ser constatado um xisto no rim.

O fato aconteceu ainda no dia 19 de outubro. Afonsinho conta que foi chamado pela família da mulher para ajudar a conseguir o atendimento médico. O vereador relatou que a senhora recebeu alta médica após alguns dias internada, mas ao chegar em casa entrou em trabalho de parto e teve de voltar novamente para o hospital. Como a criança sofreu danos já relatados na matéria, ela precisou ser internada em uma UTI Neonatal.

Contando com a ajuda da assistência social do Hospital Regional, Afonsinho informou que a transferência para a outra cidade piauiense se deu através do SAMU Aéreo. Felizmente, duas semanas depois o bebê passa bem. Esse acontecimento, segundo o vereador, chamou a sua atenção para a carência do município.

“Ficamos tristes pelo fato de um município do porte de Picos não ter capacidade para atender casos desse tipo, onde cidades de menor porte, como Floriano e Oeiras, acabam tendo de abraçar essas causas devido a falta de estrutura que o Hospital Regional se encontra”, declarou.

Para o vereador essa situação não é admissível, uma vez que a cidade já chegou a contar com quatro deputados estaduais, todos da base do Governo do Estado. “Morrem crianças e pessoas no Hospital Regional devido a falta de infraestrutura”, protestou.

O Hospital

Nossa equipe entrou em contato com assessoria do Hospital Regional de Picos para saber se há a previsão da construção de UTI Neonatal e o que pode ser feito em casos de parto de risco. Fomos informados que essa é uma das metas da Fundação de Serviços Hospitalares do Piauí (FEPISERH) e do HRJL, mas não há uma previsão para o início dessas obras, especialmente por 2018 ter sido um ano eleitoral.

Fomos informados também que na UTI inaugurada pelo governador Wellington Dias (PT) em 2017 há equipamentos que podem atender situações de risco para recém-nascidos. Obras como a Ala Obstetrícia já estão em funcionamento, enquanto a Casa da Gestante, Bebê e Puérpera e o Centro de Parto Normal serão inaugurados até o final do ano.

Comentários

Nenhum comentario realizado para esta materia
 
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Marta Soares
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652